quinta-feira, 29 de março de 2012

Ex-prefeito de Castro Alves é assassinado dentro de casa

O ex-prefeito de Castro Alves, Diógenes Oliveira, 61 anos, foi assassinado nesta quinta-feira (29) dentro da chácara onde morava. De acordo com a polícia, Diógenes tomava café da manhã com o filho e um amigo, quando dois homens invadiram a casa pela janela da cozinha, mandaram as testemunhas se afastarem e deflagraram dois tiros contra o ex-prefeito.
Em seguida, a dupla fugiu pela BR-116 em um Fiat Strada levando celulares e as chaves do imóvel e do carro da família. A polícia investiga ainda se duas pessoas que sofreram um acidente na rodovia perto de Itatim em um Fiat Uno roubado em Jequié nesta quarta, têm participação no homicídio.
Na cidade, a população comenta que o crime tem conotação política, já que Diógenes era pré-candidato à eleição municipal pelo PT e estava em primeiro lugar nas pesquisas. Os moradores também argumentam que ele era uma pessoa querida na cidade e teve uma gestão elogiada.
Diógenes foi prefeito por 2 anos após a morte do então administrador municipal Geraldo Campos ser assassinado na feira livre da cidade em 1999.